Criação Musical Para Diversas Linguagens

com Thiago Almeida (CE) – 26 a 30 de julho – 10h às 12h

 

CLIQUE E GARANTA A SUA INSCRIÇÃO!

 

A oficina apresenta e discute os conceitos e as técnicas da criação musical em contato com outras linguagens artísticas: poesia, dança, fotografia e curta-metragem. O objetivo do curso é mostrar como compor/criar música a partir da coreografia de dança, da fotografia, de vídeos e da poesia. No curso, serão expostas peças inéditas como material de trabalho a ser musicado em parceria com os alunos participantes.

Público-Alvo: Músicos/compositores de quaisquer instrumentos que tenham interesse de aprimorar seus conceitos e trabalhar com audiovisual e trilhas sonoras para dança, fotografia, poesia, etc.

Pré-requisitos: É necessário que o interessado tenha atividade em composição e fluência com seu instrumento.

Sobre Thiago Almeida: Pianista, compositor, produtor musical e multi-instrumentista. Thiago começou a tocar e viajar em turnês aos 13 anos de idade e tem uma formação ampla advinda dessa vivência em serestas e em forrós pelo Nordeste do Brasil. Em 2008, conheceu o compositor e baterista Luizinho Duarte (CE) que o integrou como pianista no grupo Marimbanda, sendo esse seu primeiro importante trabalho de música instrumental e o grande portal para uma nova fase de relações e trabalhos musicais. Em 2012, foi ganhador do concurso nacional de novos talentos do festival CopaFest (RJ), junto com Cainã Cavalcante (CE/SP) com quem tem 02 trabalhos gravados em disco. Em 2015, Thiago gravou o seu primeiro trabalho em trio “UNERAÇÃO VITAL”, ano em que se dedicou a elaboração de um material de estudo que ele chama de “O estudo Criativo” e circula por cidades do interior do Ceará promovendo encontros com músicos locais. Em 2017, Thiago foi ganhador do concurso de novos talentos do MIMO Festival Instrumental através de uma votação popular.

Começou a compor para dança e em 2018 criou o BALÉLA, trabalho feito em parceria com a bailarina Clarissa Costa (CE) e que foi apresentado no Teatro Casa da Ópera em Ouro Preto (MG). Envolvido nesse diálogo com a dança, ele criou o trabalho ESCALETA COM CHARANGA que protagoniza o instrumento “escaleta” e os ritmos e os modos cabaçais, bem como as danças presentes nesse trabalho que teve a participação singular do professor de dança e bailarino Éder Soares (CE). Ainda 2018, a produção de músicas para cinema ganha vez no trabalho de Thiago Almeida com “SUDESTINOS”; de Germano Souza, um curta metragem independente premiado em festivais pela América Latina. Em 2018, participa do Rumos Itaú com o trabalho EPIFANIA KARIRI junto com Marimbanda, Irmãos Aniceto e Carlos Malta (RJ), culminando na gravação de um DVD e circulam em apresentações por São Paulo, Rio de Janeiro, Crato e Fortaleza. Em 2018, Thiago faz seu primeiro trabalho com música voltado para comunidade surda; convidado pela artista Clarissa Costa o músico investe em uma nova pesquisa envolvendo música, dança e LIBRAS. Através dessa pesquisa, Thiago fez participação nos trabalhos VERDEOUVIR e LIBRANDO BEM, ambos com direção e idealização de Clarissa Costa. Em 2020, o grupo Marimbanda lança o disco “CAMINHAR”, realizado através de financiamento coletivo. Em seguida, Thiago estreia “@Lgoritmo”, seu primeiro trabalho de áudio e vídeo. Em agosto do mesmo ano, o músico grava seu segundo trabalho, dessa vez um trabalho inteiro de piano solo chamado “PERMANÊNCIAS” com participação de André Mehmari (SP) que será lançado em julho de 2021.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support